metro tagged posts

Rua 25 de Março e Banespão em Foco

Bolsas, carteiras, echarpes...

É inegável a importância dos imigrantes para o crescimento e desenvolvimento do Brasil, e especialmente de São Paulo. A abolição da escravatura no final do século XIX trouxe grandes levas de imigrantes de diversos países como Itália, Espanha, Portugal, Alemanha, Japão, Bélgica, Síria e Líbano para a capital paulista. Com muito suor, sofrimento e trabalho duro, eles conseguiram realizar o sonho de “fazer a América”. Seja na agricultura, indústria ou comércio, os imigrantes imprimiram suas marcas em terras brasileiras. Até hoje podemos ver sua forte influência e a de seus descendentes em bairros como a Liberdade, que recebeu inúmeros imigrantes japoneses, e o Brás, Moóca e Bixiga, verdadeiros pedaços da Itália em São Paulo...

Read More

Higienópolis em Foco

DSC02717

Eu trabalhei como professora de inglês por dez anos, até meados de 2006 (o tempo voa!). E uma das coisas que eu mais gostava na época era andar por São Paulo – naqueles tempos, sem grana para comprar um carro, eu tinha de caminhar ou andar de ônibus, metrô e trem para todos os lados! Apesar do trânsito e da correria para chegar nas aulas na hora, adorava ir e conhecer diversos bairros da cidade. Mesmo com todas as reclamações e protestos da população sobre a qualidade dos transportes públicos (com as quais concordo plenamente!), sempre que possível eu andava de ônibus, para poder desfrutar das paisagens dos mais diferentes recantos de Sampa. E Higienópolis foi um dos locais que eu tive o grande prazer de frequentar e curtir nos meu tempos de professora...

Read More

Pacaembu e Sumaré em Foco

crop DSC00623

O Brasil é o país do futebol, sem dúvida alguma! O amor dos brasileiros por esse esporte criado pelos britânicos é tão grande, que os times, atletas e treinadores locais são referências internacionais, e jogos dos campeonatos brasileiros são acompanhados avidamente por espectadores e torcedores do mundo inteiro.  Em São Paulo, o entusiasmo por futebol não é menor, e a capital abriga vários times com torcidas enormes e fidelíssimas, como o Corinthians, Palmeiras e São Paulo. E um dos responsáveis por trazer o futebol das longínquas ilhas britânicas para o Brasil foi justamente um paulistano, filho de pai escocês: Charles William Miller...

Read More

Parque do Trianon / Parque Mario Covas em Foco

A ranzinha-piadeira, espécie endêmica da Mata Atlântica, pode ser ouvida no parque. Também podemos encontrar pequenos mamíferos como o bicho-preguiça, diversas espécies de morcego, saguis e esquilos.

Você sabia que no meio do agito e dos prédios da Avenida Paulista, ainda existem locais tranquilos, onde podemos respirar um pouco de ar puro? Um desses lugares é o Parque Tenente Siqueira Campos, mais conhecido como Parque do Trianon. Ele fica bem em frente ao icônico MASP, e é a única reserva remanescente da Mata Atlântica na região, o que não é pouca coisa!O parque foi inaugurado em 3 de abril de 1892, e fazia parte do projeto de urbanização da Avenida Paulista, inaugurada no ano anterior. Por ter sido projetado pelo paisagista francês Paul Villon, muitos textos antigos se referiam a ele como o “Parque Villon”. No local onde hoje se encontra o MASP havia um clube chamado Trianon, que recebeu um belvedere projetado por Ramos de Azevedo, construído entre 1911 e 1914...

Read More

Avenida Paulista Em Foco

CROP DSC06474

Uma das características marcantes de São Paulo é sua grandeza – tudo na cidade é hiperbólico. Aqui encontramos a maior população do Brasil, problemas gigantescos, congestionamentos inacreditáveis, e enormes contrastes econômicos e sociais. Mas é aqui que encontramos os melhores hospitais, as escolas e universidades mais conceituadas do país, os museus mais importantes da América Latina, inúmeras opções culturais e de lazer para todos os bolsos e todos os gostos, gastronomia rica e variada, os maiores bancos e instituições financeiras, para citar alguns exemplos. E não tem lugar que retrate melhor essa grandeza de São Paulo que a Avenida Paulista! Nos idos do século XVIII, a região não passava de uma floresta chamada Caaguaçu, ou “mato grande”, em tupi...

Read More