Parque da Cantareira – Núcleo Engordador Em Foco

crop DSC07593

Acredito que todos os que acompanham os noticiários estão um pouco cansados de ouvir sobre violência, crises políticas e econômicas, corrupção, e outras pragas que assolam muitas de nossas cidades. Nessas horas, é sempre bom nos lembrar que existem lugares onde podemos fugir de tudo isso, nem que seja por algumas horas. Pedaços abençoados de mata nativa preservada, que persistem no meio do avanço da civilização e modernidade, e que nos fazem perceber como somos pequenos diante da natureza. Considerada a maior floresta urbana do mundo, o maravilhoso Parque da Cantareira é um desses recantos de tranquilidade e beleza, um verdadeiro tesouro verde em plena metrópole! 

O Núcleo Engordador foi o segundo aberto para o público, depois do Núcleo Pedra Grande. O parque ainda conta com o Núcleo Águas Claras e o Núcleo Cabuçu. Aberto definitivamente em 1997, o Engordador nasceu de uma parceria entre o Instituto Florestal e a empresa Furnas Centrais Elétricas. Devido à instalação de torres de transmissão de energia elétrica na área do Parque da Cantareira, o núcleo foi concebido como compensação ambiental pela empresa Furnas, que investiu recursos financeiros no Núcleo Pedra Grande e na estruturação completa do Núcleo Engordador. O projeto foi concebido para o desenvolvimento de atividades de educação ambiental, e minimização do impacto ambiental das obras.

 

Até o final do século XVII, o local era uma fazenda utilizada por tropeiros que vinham de Minas Gerais e Goiás. Após a longa e desgastante viagem, eles paravam ali para que o gado se recuperasse e engordasse, antes de ser comercializado numa feira que existia, na época, na região da Luz. A fazenda foi depois desapropriada para o abastecimento de água, mas a região continuou a ser chamada de “Engordador”, em referência aos dias em que era utilizada para a engorda do gado dos tropeiros. Em 1894,  foi construída a Casa das Bombas, que fazia parte do primeiro sistema de abastecimento de água de São Paulo. A casa e seu equipamento, que bombeava água para a Avenida Paulista e seus barões do café, funcionaram até 1949, quando a caldeira explodiu por sobrecarga! Apesar da explosão, tanto a casa quanto o equipamento continuam de pé, foram tombados pelo patrimônio histórico e estão abertos para visitação.

 

Apesar de não ser tão conhecido e divulgado como o Núcleo Pedra Grande, o Núcleo Engordador definitivamente vale a visita! Na minha opinião, é um dos mais belos núcleos do Parque da Cantareira. Suas trilhas oferecem belas paisagens, contato direto com espécies nativas da Mata Atlântica, diversos animais, como bugios, pássaros e esquilos, além de lindos cursos de água e belas cachoeiras. Quem acha que São Paulo não passa de uma selva de concreto, vai se surpreender. O núcleo Engordador conta com estacionamento, centro de visitantes, playground, sanitários, área de piquenique, represa e três belas trilhas com diferentes níveis de dificuldade. Está aberto aos sábados, domingos e feriados, das 8:30 às 16:00, e a entrada custa R$ 6,00. O acesso por carro é feito pelo km 79 da Rodovia Fernão Dias, sentido BH, entrando na alça de acesso à Avenida Coronel Sezefredo Fagundes, sentido Mairiporã. A entrada fica meio escondida, mas é bem sinalizada. Para ir de ônibus, vá até a Estação Tucuruvi do metrô (linha azul), e lá pegue a linha 1783-21, sentido Cachoeira (Cheque sempre no site do SP Trans): peça para o motorista te deixar no ponto mais próximo do parque. Se você não conhece, não deixe de visitar essa jóia da natureza, um patrimônio que merece ser conhecido e preservado por todos nós!

A entrada do núcleo Engordador do Parque da Cantareira.

A entrada do núcleo Engordador do Parque da Cantareira.

Algumas informações básicas do núcleo. E concordo plenamente com os dizeres da placa: devemos nos orgulhar do Parque da Cantareira!

Algumas informações básicas do núcleo. E concordo plenamente com os dizeres da placa: devemos nos orgulhar do Parque da Cantareira!

Um pequeno mapa do núcleo

Um pequeno mapa do núcleo

O parque é bem sinalizado e conta com uma boa estrutura

O parque é bem sinalizado e conta com uma boa estrutura

Aproveitar pneus velhos para fazer esses degraus é uma ótima ideia!

Aproveitar pneus velhos para fazer esses degraus é uma ótima ideia!

Uma pequena vista do parque na entrada

Uma pequena vista do parque na entrada

Uma bela jabuticabeira - pena que não era época dos frutos!

Uma bela jabuticabeira – pena que não era época dos frutos!

O centro de visitantes, onde se encontram sanitários, mapas e informações sobre o parque.

O centro de visitantes, onde se encontram sanitários, mapas e informações sobre o parque.

Cuidado!!!! No centro de visitantes podemos encontrar alguns animais selvagens!

Cuidado!!!! No centro de visitantes podemos encontrar alguns animais selvagens!

A partir do centro de visitantes, podemos acessar duas trilhas do parque.

A partir do centro de visitantes, podemos acessar duas trilhas do parque.

A Trilha de Mountain Bike, de 1.400 m. Seu percurso vai do leve ao íngreme, e só pode ser percorrida com bicicletas. Nessa trilha podemos avistar torres da hidrelétrica de Furnas.

A Trilha de Mountain Bike, de 1.400 m. Seu percurso vai do leve ao íngreme, e só pode ser percorrida com bicicletas. Nessa trilha podemos avistar torres da hidrelétrica de Furnas.

A Trilha do Macuco, com aproximadamente 700 m de percurso leve. Todos podem fazer, sem medo!

A Trilha do Macuco, com aproximadamente 700 m de percurso leve. Todos podem fazer, sem medo!

O parque conta com diversos espécimes de Palmito Juçara, ameaçado de extinção.

O parque conta com diversos espécimes de Palmito Juçara, ameaçado de extinção.

A trilha do macuco passa entre os canos que faziam parte do antigo sistema de abastecimento de água.

A trilha do macuco passa entre os canos que faziam parte do antigo sistema de abastecimento de água.

A Trilha do Macuco possui uma passarela a fim se de proteger o seu solo, classificado como Hidromórfico.

A Trilha do Macuco possui uma passarela a fim se de proteger o seu solo, classificado como Hidromórfico.

Além de visualizar o solo hidromórfico, podemos apreciar a bela mata ciliar ao longo da trilha.

Além de visualizar o solo hidromórfico, podemos apreciar a bela mata ciliar ao longo da trilha.

Belas samambaiaçus, com seu xaxim

Belas samambaiaçus, com seu xaxim

A Trilha do Macuco tem belíssimas paisagens no meio da Mata Atlântica.

A Trilha do Macuco tem belíssimas paisagens no meio da Mata Atlântica.

Muito cipó!

Muito cipó!

Uma explicação sobre os seres pioneiros, e da importância de ser preservar o seu ambiente.

Uma explicação sobre os seres pioneiros, e da importância de ser preservar o seu ambiente.

A Trilha do Macuco acompanha o riacho, que aparece em diversos trechos.

A Trilha do Macuco acompanha o riacho, que aparece em diversos trechos.

O Embiruçu, outra espécie nativa da Mata Atlântica.

O Embiruçu, outra espécie nativa da Mata Atlântica.

Não é uma beleza?

Não é uma beleza?

Mais cipó!

Mais cipó!

O belo riacho que acompanha a trilha.

O belo riacho que acompanha a trilha.

Todos os riachos e nascentes do parque fazem parte do Sistema Cantareira, um dos responsáveis pelo abastecimento de água para a região metropolitana de São Paulo.

Todos os riachos e nascentes do parque fazem parte do Sistema Cantareira, um dos responsáveis pelo abastecimento de água para a região metropolitana de São Paulo.

Pela limpidez de suas águas, que ainda estão relativamente protegidas pelas matas, o Sistema Cantareira é a que utiliza menos componentes químicos para seu tratamento. É um verdadeiro tesouro hídrico!

Pela limpidez de suas águas, que ainda estão relativamente protegidas pelas matas, o Sistema Cantareira é a que utiliza menos componentes químicos para seu tratamento. É um verdadeiro tesouro hídrico!

As belas folhas da samambaiaçu!

As belas folhas da samambaiaçu!

O parque conta com diversas bromélias, algumas delas gigantescas!

O parque conta com diversas bromélias, algumas delas gigantescas!

Olha o tamanho dessa samambaia!

Olha o tamanho dessa samambaia!

Pulando amarelinha nos pneus!

Pulando amarelinha nos pneus!

Escultura da natureza!

Escultura da natureza!

É muito revigorante caminhar ao longo do riacho!

É muito revigorante caminhar ao longo do riacho!

O Parque da Cantareira é uma das maiores reservas de samambaiaçu no país!

O Parque da Cantareira é uma das maiores reservas de samambaiaçu no país!

Meu guarda-sol exclusivo!

Meu guarda-sol exclusivo!

A trilha é circular, e 700 m depois voltamos ao nosso ponto de partida!

A trilha é circular, e 700 m depois voltamos ao nosso ponto de partida!

Treinando o meu equilíbrio!

Treinando o meu equilíbrio!

A Casa das Bombas, construída em 1894.

A Casa das Bombas, construída em 1894.

A casa fazia parte do primeiro sistema de abastecimento de água de São Paulo.

A casa fazia parte do primeiro sistema de abastecimento de água de São Paulo.

A casa abriga uma caldeira alemã e a bomba a vapor Robey, inauguradas em 1903 pela Repartição de Águas e Esgotos, empresa responsável pelo serviço de abastecimento de água na época.

A casa abriga uma caldeira alemã e a bomba a vapor Robey, inauguradas em 1903 pela Repartição de Águas e Esgotos, empresa responsável pelo serviço de abastecimento de água na época.

O equipamento bombeava água para a Avenida Paulista, para abastecer os palacetes dos barões do café. A caldeira aquecia a água para movimentar a bomba, que transportava a água de três reservatórios para o alto da serra. De lá, descia por gravidade até a Avenida Paulista.

O equipamento bombeava água para a Avenida Paulista, para abastecer os palacetes dos barões do café. A caldeira aquecia a água para movimentar a bomba, que transportava a água de três reservatórios para o alto da serra. De lá, descia por gravidade até a Avenida Paulista.

A casa das bombas e seu equipamento funcionaram até 1949, quando houve uma explosão na caldeira, por sobrecarga.

A casa das bombas e seu equipamento funcionaram até 1949, quando houve uma explosão na caldeira, por sobrecarga.

Até hoje, é possível se ver claramente as rachaduras no forno, causadas pela explosão.

Até hoje, é possível se ver claramente as rachaduras no forno, causadas pela explosão.

Tanto a casa das bombas como o seu forno foram tombados pelo Patrimônio Histórico, por sua importância na história de São Paulo.

Tanto a casa das bombas como o seu forno foram tombados pelo Patrimônio Histórico, por sua importância na história de São Paulo.

O agradabilíssimo Recanto das Águas, com vários riachos e corredeiras.

O agradabilíssimo Recanto das Águas, com vários riachos e corredeiras.

Até o final do século XVII, havia no local uma fazenda de engorda de gado, que era utilizada pelos tropeiros que vinham de Minas Gerais.

Até o final do século XVII, havia no local uma fazenda de engorda de gado, que era utilizada pelos tropeiros que vinham de Minas Gerais.

Após a longa viagem, o gado se recuperava e engordava na fazenda, antes de ser comercializado numa feira que existia na região da Luz. Daí veio o curioso nome "Engordador".

Após a longa viagem, o gado se recuperava e engordava na fazenda, antes de ser comercializado numa feira que existia na região da Luz. Daí veio o curioso nome “Engordador”.

Em 1890, a fazenda e várias chácaras da região foram desapropriadas para a proteção dos mananciais e a instalação da casa das bombas.

Em 1890, a fazenda e várias chácaras da região foram desapropriadas para a proteção dos mananciais e a instalação da casa das bombas.

O Núcleo Engordador foi o segundo do Parque da Cantareira a ser aberto para visitação pública. A sua abertura definitiva ocorreu em 1997, graças a uma parceria entre o Instituto Florestal e a empresa Furnas Centrais Elétricas.

O Núcleo Engordador foi o segundo do Parque da Cantareira a ser aberto para visitação pública. A sua abertura definitiva ocorreu em 1997, graças a uma parceria entre o Instituto Florestal e a empresa Furnas Centrais Elétricas.

Como compensação ambiental pela instalação de torres de transmissão na área da Cantareira, a empresa Furnas investiu recursos financeiros no Núcleo Pedra Grande, e na estruturação completa do Núcleo Engordador.

Como compensação ambiental pela instalação de torres de transmissão na área da Cantareira, a empresa Furnas investiu recursos financeiros no Núcleo Pedra Grande, e na estruturação completa do Núcleo Engordador.

O Núcleo Engordador oferece muitas atividades de educação ambiental junto às escolas, com visitas programadas e palestras sobre o uso consciente da energia elétrica e preservação de nosso meio-ambiente.

O Núcleo Engordador oferece muitas atividades de educação ambiental junto às escolas, com visitas programadas e palestras sobre o uso consciente da energia elétrica e preservação de nosso meio-ambiente.

A Ducha do Guaru, onde é possível tomar um banho.

A Ducha do Guaru, onde é possível tomar um banho.

O núcleo conta com um viveiro de mudas, para a preservação de espécies nativas.

O núcleo conta com um viveiro de mudas, para a preservação de espécies nativas.

O Parque da Cantareira tem aproximadamente 7,9 mil hectares, que equivalem a 8.000 campos de futebol. Apesar de seu tamanho impressionante, ele corresponde a somente 5% da mata original da Serra da Cantareira.

O Parque da Cantareira tem aproximadamente 7,9 mil hectares, que equivalem a 8.000 campos de futebol. Apesar de seu tamanho impressionante, ele corresponde a somente 5% da mata original da Serra da Cantareira.

Uma vista do Recanto das Águas e da Casa das Bombas ao fundo.

Uma vista do Recanto das Águas e da Casa das Bombas ao fundo.

A Trilha da Cachoeira, com 3 km de extensão, com grau de dificuldade médio.

A Trilha da Cachoeira, com 3 km de extensão, com grau de dificuldade médio.

Alguns lembretes básicos!

Alguns lembretes básicos!

Além de várias espécies nativas, podemos avistar diversas espécies exóticas, como o café e o eucalipto.

Além de várias espécies nativas, podemos avistar diversas espécies exóticas, como o café e o eucalipto.

A trilha passa por 3 quedas d´água e cruza o Rio Engordador diversas vezes.

A trilha passa por 3 quedas d´água e cruza o Rio Engordador diversas vezes.

O percurso não é dos mais difíceis, apesar de varias subidas e descidas. Mas há sempre cursos de água e cachoeiras para compensar o esforço!

O percurso não é dos mais difíceis, apesar de varias subidas e descidas. Mas há sempre cursos de água e cachoeiras para compensar o esforço!

Também podemos ouvir o canto de diversos pássaros e, com um pouco de sorte, podemos avistar diversos animais como macacos bugios e bichos-preguiça.

Também podemos ouvir o canto de diversos pássaros e, com um pouco de sorte, podemos avistar diversos animais como macacos bugios e bichos-preguiça.

Um exemplar de canjerana, conhecida como a árvore de madeira vermelha, que pode atingir 18 m de altura.

Um exemplar de canjerana, conhecida como a árvore de madeira vermelha, que pode atingir 18 m de altura.

Olha a grossura desse cipó! Parece uma anaconda!

Olha a grossura desse cipó! Parece uma anaconda!

O Rio Engordador, que cruza a Trilha da Cachoeira diversas vezes.

O Rio Engordador, que cruza a Trilha da Cachoeira diversas vezes.

A Cachoeira do Engordador.

A Cachoeira do Engordador.

Fizemos uma pausa para um lanchinho em homenagem ao local: engordamos com alguns bolinhos de arroz!

Fizemos uma pausa para um lanchinho em homenagem ao local: engordamos com alguns bolinhos de arroz!

As águas são cristalinas e geladinhas!

As águas são cristalinas e geladinhas!

Na parte mais alta da trilha se encontra o antigo tanque de captação de água da Sabesp.

Na parte mais alta da trilha se encontra o antigo tanque de captação de água da Sabesp.

Os antigos canos estão presentes em diversas partes da trilha.

Os antigos canos estão presentes em diversas partes da trilha.

Os cipós são realmente impressionantes! Olha que bela obra de arte da natureza, para Bienal nenhuma botar defeito!

Os cipós são realmente impressionantes! Olha que bela obra de arte da natureza, para Bienal nenhuma botar defeito!

A beleza das paisagens é impressionante e vale todo o esforço!

A beleza das paisagens é impressionante e vale todo o esforço!

Olha o tamanho desses encanamentos antigos!

Olha o tamanho desses encanamentos antigos!

Não confundir subir pelo cano com entrar pelo cano!

Não confundir subir pelo cano com entrar pelo cano!

Este esquilo ficou fazendo pose para aparecer no blog. Ele bem que queria nos dar algumas nozes, mas dissemos que não era necessário!

Este esquilo ficou fazendo pose para aparecer no blog. Ele bem que queria nos dar algumas nozes, mas dissemos que não era necessário!

A bela Represa do Engordador, que fazia parte do primeiro sistema de abastecimento de água de São Paulo.

A bela Represa do Engordador, que fazia parte do primeiro sistema de abastecimento de água de São Paulo.

No início do século XX, a Represa do Engordador conseguia suprir, sozinha, a água para cerca de 80% da população de São Paulo.

No início do século XX, a Represa do Engordador conseguia suprir, sozinha, a água para cerca de 80% da população de São Paulo.

Com o crescimento da população, outras represas passaram a compor o sistema de abastecimento de água da região metropolitana: além do sistema Cantareira, as Represas Billings e Guarapiranga passaram a compor o sistema.

Com o crescimento da população, outras represas passaram a compor o sistema de abastecimento de água da região metropolitana: além do sistema Cantareira, as Represas Billings e Guarapiranga passaram a compor o sistema.

O projeto da Represa do Engordador foi feito na Inglaterra, em 1893. A barragem foi construída em terra e revestida de concreto, e a área de captação é de 9,6 km², com volume estimado de 500.000 m³.

O projeto da Represa do Engordador foi feito na Inglaterra, em 1893. A barragem foi construída em terra e revestida de concreto, e a área de captação é de 9,6 km², com volume estimado de 500.000 m³.

Me preparando para as Olimpíadas! Lançamento de bambu!

Me preparando para as Olimpíadas! Lançamento de bambu!

O núcleo tem um bom playground para a garotada!

O núcleo tem um bom playground para a garotada!

A área de piquenique. Não se esqueça de trazer água e um lanche, já que o parque não tem lanchonetes.

A área de piquenique. Não se esqueça de trazer água e um lanche, já que o parque não tem lanchonetes.

Sinto muito pessoal, mas a comida acabou!

Sinto muito pessoal, mas a comida acabou!

Após a caminhada, hora do relax!

Após a caminhada, hora do relax!

Gostaram? Venham conhecer esse belíssimo parque, o Núcleo Engordador vale a visita! Até o próximo passeio!

Gostaram? Venham conhecer esse belíssimo parque, o Núcleo Engordador vale a visita! Até o próximo passeio!

Veja a localização no mapa:

Share this:
Share this page via Email Share this page via Stumble Upon Share this page via Digg this Share this page via Facebook Share this page via Twitter

4 comments to Parque da Cantareira – Núcleo Engordador Em Foco

  • Anonymous  says:

    Parabéns pelas matérias!!! Eduardo Wyrgun

  • Anonymous  says:

    Obrigado Mina Yodono,
    Pelo excelente trabalho.
    tenho a esperança de poder visitar.
    Espanha da Silva
    Lisboa – Portugal

  • Mina Yodono  says:

    Obrigada, Eduardo! Ficamos felizes que vc esteja curtindo o blog! Abraços

  • Mina Yodono  says:

    Eu é que agradeço a visita a nosso blog! Quando vier para São Paulo, não deixe de conhecer o parque, e tantas outras atrações que existem na cidade! Abraços

Deixe um comentário

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam