Parque Estadual do Jaraguá Em Foco

DSC07023

Dificilmente as pessoas associam florestas, ar puro e tranquilidade com São Paulo. Poluição sonora, visual e atmosférica e caos no trânsito são alguns dos preços que pagamos para viver na maior metrópole da América do Sul. Mas quando a avistamos do alto do Pico do Jaraguá, a 1.135m de altura, ponto culminante de nossa cidade, podemos dizer que existem, sim, lugares de paz e tranquilidade em nossa cidade! 

O Pico do Jaraguá, de onde podemos ter vistas de até 55km em dias de céu limpo, é somente uma das atrações do Parque Estadual do Jaraguá. Criado em 1961 e tombado como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO em 1994, o parque é uma das últimas reservas de Mata Atlântica na área metropolitana de São Paulo. Ele fica a 18km do centro da cidade, abrange uma área de aproximadamente 5.000 hectares, e tem lagos e nascentes, diversos animais, trilhas com diferentes graus de dificuldade,  e belas paisagens.

 

Jaraguá significa “senhor do vale” em tupi, e “por onde passamos” em guarani. Até hoje, o pico é um ponto de referência para quem está chegando ou deixando a cidade pela região noroeste. Uma das primeiras referências que se tem notícia de lá são do português Afonso Sardinha, um caçador de índios e traficante, que encontrou ouro na região por volta de 1580. Após dez anos de muitas guerras e disputas com os índios, a mineração de ouro começou, e continuou até o seu total esgotamento no século XIX. Até hoje as marcas de escavações deixadas pelos garimpeiros estão visíveis nas rochas do pico. Após o fim do garimpo, a região foi tomada por grandes fazendas de café, que foram depois adquiridas pelo governo em 1940, e em 1961 foi inaugurado o Parque Estadual do Jaraguá.

 

O pico está localizado no extremo oeste da Serra da Cantareira, mas não faz parte do Parque Estadual da Cantareira. No seu topo encontram-se duas grandes antenas, uma delas compartilhada por duas redes de televisão. Para chegar ao topo, pode-se ir de carro pela bela Estrada Turística do Jaraguá, com extensão de 5.356m. Quem tiver mais disposição (e pernas!), pode também subir pela Trilha do Pai Zé. Apesar de ser bem íngreme e exigir um bom condicionamento físico, a paisagem no caminho é recompensadora! No mirante do Pico do Jaraguá podemos avistar boa parte de São Paulo, além do Rodoanel Mário Covas. Quem não quiser encarar uma trilha tão puxada, pode caminhar na Trilha da Bica ou na Trilha do Silêncio, ou simplesmente explorar os belos bosques e mirantes do parque.

 

Foi muito bom retornar após tantos anos, e conhecer outros trechos do parque que não conhecíamos. E as  vistas que se tem dos mirantes são sempre espetaculares! O Parque Estadual do Jaraguá fica na Rua Antonio Cardoso Nogueira, 539, na Vila Chica Luiza. O parque é bem cuidado e conta ainda com estacionamento, churrasqueiras, mesas para piquenique, playgrounds, quadras esportivas, auditório, anfiteatro e lanchonetes, e está aberto de terça a domingo, das 8:00 às 17:00, com entrada gratuita. O acesso por carro é pelo km 18 da Rodovia Anhanguera – entre na Avenida Jornalista Paulo Zing, e em seguida na Estrada Turística do Jaraguá. Segundo o site do Sistema Ambiental Paulista, há três linhas de ônibus que servem a região (linhas 8040, 8047 e 8696 – chequem primeiro com a SP Trans). Você ainda pode ir de trem – a Estação Vila Clarice (linha rubi da CPTM) fica a 800 m do parque.  Se você ainda não conhece, não deixe de visitar essa pedacinho da Mata Atlântica, que integra a Zona Núcleo do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo, Reserva da Biosfera – um verdadeiro tesouro!

A entrada do Parque Estadual do Jaraguá, aberto em 1961, no sopé do pico.

A entrada do Parque Estadual do Jaraguá, aberto em 1961, no sopé do pico.

O mapa do parque, também em inglês! O parque é bem sinalizado e conta com diversas atrações. Tem estacionamento gratuito.

O mapa do parque, também em inglês! O parque é bem sinalizado e conta com diversas atrações. Tem estacionamento gratuito.

No meio das corujas! Um painel muito legal na entrada do parque!

No meio das corujas! Um painel muito legal na entrada do parque!

O Parque do Jaraguá era uma grande fazenda de café até 1940, quando foi adquirida pelo governo de São Paulo, e transformada em parque.

O Parque do Jaraguá era uma grande fazenda de café até 1940, quando foi adquirida pelo governo de São Paulo, e transformada em parque.

É uma das últimas reservas de Mata Atlântica na região metropolitana de São Paulo, e foi tombada pela UNESCO em 1994, como patrimônio da humanidade.

O parque é uma das últimas reservas de Mata Atlântica na região metropolitana de São Paulo, e foi tombado pela UNESCO em 1994, como patrimônio da humanidade.

No parque podemos encontrar incontáveis árvores centenárias nativas, como essa bela paineira.

No parque podemos encontrar incontáveis árvores centenárias nativas, como essa bela paineira.

O imponente jatobá, que pode atingir 20 m de altura.

O imponente jatobá, que pode atingir 20 m de altura.

O casarão do bandeirante Afonso Sardinha, datado de 1580.

O casarão do bandeirante Afonso Sardinha, datado de 1580.

Afonso Sardinha era um caçador de índios e traficante, que descobriu ouro na região do Jaraguá. A região era dominada por índios e houve diversas guerras e disputas por 10 anos, até a mineração do ouro começar. Sardinha viveu nesse casarão até sua morte, em 1615.

Afonso Sardinha era um caçador de índios e traficante, que descobriu ouro na região do Jaraguá. A região era dominada por índios e houve diversas guerras e disputas por 10 anos, até a mineração do ouro começar. Sardinha viveu nesse casarão até sua morte, em 1615.

A construção tem 21 cômodos e uma senzala, e foi feita com taipa de pilão. As paredes e muros tem espessura de aproximadamente 80 cm! O casarão e o parque foram tombados pelo Patrimônio Histórico em 1983.

A construção tem 21 cômodos e uma senzala, e foi feita com taipa de pilão. As paredes e muros tem espessura de aproximadamente 80 cm! O casarão e o parque foram tombados pelo Patrimônio Histórico em 1983.

O casarão estava sendo usado como a representação paulista do Albergue da Juventude, até ser reintegrado ao patrimônio da Fundação Florestal em fevereiro de 2012. Planeja-se restaurar o casarão e transformá-lo em um centro cultural ou museu.

O casarão estava sendo usado como a representação paulista do Albergue da Juventude, até ser reintegrado ao patrimônio da Fundação Florestal em fevereiro de 2012. Planeja-se restaurar o casarão e transformá-lo em um centro cultural ou museu.

Belas araucárias tambem se fazem presentes no parque.

Belas araucárias também se fazem presentes no parque.

Esse macaco-prego tentou nos subornar com frutas para aparecer no blog!

Esse macaco-prego tentou nos subornar com frutas para aparecer no blog!

Essa saúva ficou enciumada, e também pediu para aparecer no blog. Aqui está ela, comendo a frutinha!

Essa saúva ficou enciumada, e também pediu para aparecer no blog. Aqui está ela, comendo a frutinha!

Espaço Conviver, inaugurado em 2007, que faz parte do projeto de inclusão de deficientes visuais e cadeirantes ao meio-ambiente. O Parque do Jaraguá foi utilizado como piloto do projeto, que será estendido a outros parques.

Espaço Conviver, inaugurado em 2007, que faz parte do projeto de inclusão de deficientes visuais e cadeirantes ao meio-ambiente. O Parque do Jaraguá foi utilizado como piloto do projeto, que será estendido a outros parques. Uma ótima iniciativa!

O núcleo de educação ambiental inclui, além do Espaço Conviver, uma biblioteca com livros em braille, auditório e uma trilha adaptada para deficientes físicos.

O núcleo de educação ambiental inclui, além do Espaço Conviver, uma biblioteca com livros em braille, auditório e uma trilha adaptada para deficientes físicos.

O auditório Jessica Nunes Herculano, com capacidade para 100 pessoas.

O auditório Jessica Nunes Herculano, com capacidade para 100 pessoas.

A Trilha do Silêncio, com 828 m de extensão, que foi adaptada para receber pessoas com mobilidade reduzida, como idosos e cadeirantes.

A Trilha do Silêncio, com 828 m de extensão, que foi adaptada para receber pessoas com mobilidade reduzida, como idosos e cadeirantes.

Cercada de mata fechada, ela foi chamada de Trilha do Silêncio devido à possibilidade dos visitantes se isolarem dos ruídos das vias vizinhas, como o Rodoanel Mário Covas e a Rodovia Anhanguera, que ficam próximos.

Cercada de mata fechada, ela foi chamada de Trilha do Silêncio devido à possibilidade dos visitantes se isolarem dos ruídos das vias vizinhas, como o Rodoanel Mário Covas e a Rodovia Anhanguera, que ficam próximos.

A trilha foi concebida para receber inclusive deficientes visuais, com placas de informação em braille. O parque oferece visitas monitoradas, no qual se pratica "o exercício do silêncio": os visitantes ficam de olhos fechados para perceber os sons, cheiros e temperaturas do ambiente da trilha.

A trilha foi concebida para receber inclusive deficientes visuais, com placas de informação em braille. O parque oferece visitas monitoradas, no qual se pratica “o exercício do silêncio”: os visitantes ficam de olhos fechados para perceber os sons, cheiros e temperaturas do ambiente da trilha.

A Trilha do Silêncio é toda plana, e contem trechos de terra batida e tablados de madeira, para facilitar a locomoção dos visitantes.

A Trilha do Silêncio é toda plana, e contem trechos de terra batida e tablados de madeira, para facilitar a locomoção dos visitantes.

Uma pausa para admirar a beleza da Mata Atlântica. O parque faz parte da Zona Núcleo do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo, Reserva da Biosfera.

Uma pausa para admirar a beleza da Mata Atlântica. O parque faz parte da Zona Núcleo do Cinturão Verde da Cidade de São Paulo, Reserva da Biosfera.

E olha quem também estava contemplando a bela mata!

E olha quem também estava contemplando a bela mata!

O parque dispõe de quadra poliesportiva, pista de skate, anfiteatro, lanchonetes, área de piquenique, sanitários e playgrounds.

O parque dispõe de quadra poliesportiva, pista de skate, anfiteatro, lanchonetes, área de piquenique, sanitários e playgrounds.

Olha só o que encontramos nessa árvore: uma colméia de abelhas Jataí! Elas não tem ferrão e produzem mel de ótima qualidade.

Olha só o que encontramos nessa árvore: uma colméia de abelhas Jataí! Elas não tem ferrão e produzem mel de ótima qualidade.

O lago, alimentado pelas nascentes existentes no parque.

O lago, alimentado pelas nascentes existentes no parque.

Há vários riachos com águas limpíssimas espalhados pelo parque.

Há vários riachos com águas limpíssimas espalhados pelo parque.

A trilha do lago, de 800 m de extensão.

A trilha do lago, de 800 m de extensão.

O parque conta com uma flora riquíssima, com espécimes que incluem aroeiras, jequitibás, samambaiaçus, bromélias e orquídeas, entre outros.

O parque conta com uma flora riquíssima, com espécimes que incluem aroeiras, jequitibás, samambaiaçus, bromélias e orquídeas, entre outros.

As nascentes dão vida à vegetação aquática do parque.

As nascentes dão vida à vegetação aquática do parque.

O parque tem uma grande quantidade de palmitos juçara, que estão ameaçados de extinção.

O parque tem uma grande quantidade de palmitos juçara, que estão ameaçados de extinção.

É uma delícia andar por essas trilhas de terra batida!

É uma delícia andar por essas trilhas de terra batida!

Assim como no Parque da Cantareira, não é permitida a entrada de animais domésticos e bicicletas nas trilhas do parque.

Assim como no Parque da Cantareira, não é permitida a entrada de animais domésticos e bicicletas nas trilhas do parque.

Um inusitado tanque de batismo dentro do parque. Provavelmente foi construído pelos antigos donos da fazenda que deu origem ao parque.

Um inusitado tanque de batismo dentro do parque. Provavelmente foi construído pelos antigos donos da fazenda que deu origem ao parque.

O parque tem uma lanchonete. Olha quem veio filar uma bóia!

O parque tem uma lanchonete. Olha quem veio filar uma bóia!

Aparelhos de ginástica, para quem quiser ficar sarado!

Aparelhos de ginástica, para quem quiser deixar o corpo sarado!

Nem tudo é perfeito: essa torneira no meio do nada está quebrada.

Nem tudo é perfeito: essa torneira no meio do nada está quebrada.

Além da Trilha do Silêncio e da Trilha do Lago, o parque também tem a Trilha da Bica, com 1,5 km de extensão.

Além da Trilha do Silêncio e da Trilha do Lago, o parque também tem a Trilha da Bica, com 1,5 km de extensão.

A Trilha da Bica tem grau de dificuldade média, e passa por nascentes e riachos.

A Trilha da Bica tem grau de dificuldade média, e passa por nascentes e riachos.

Eu e minha possante motoca!

Eu e minha possante motoca!

A Trilha do Pai Zé, que vai até o Pico do Papagaio, vizinho do Pico do Jaraguá. O nível de dificuldade é alto, ou seja, a subida é braba!

A Trilha do Pai Zé, que vai até o Pico do Papagaio, vizinho do Pico do Jaraguá. O nível de dificuldade é alto, ou seja, a subida é braba!

Os paralelepípedos do incício da Trilha do Pai Zé, que passa por belas paisagens no meio da Mata Atlântica. A trilha recebeu este nome por ser utilizada no século passado por frequentadores de um centro espírita, no qual um médium incorporava um espírito chamado Pai Zé.

Os paralelepípedos do incício da Trilha do Pai Zé, que passa por belas paisagens no meio da Mata Atlântica. A trilha recebeu este nome por ser utilizada no século passado por frequentadores de um centro espírita, no qual um médium incorporava um espírito chamado Pai Zé.

Ao invés de subirmos a Trilha do Pai Zé, subimos de carro pela Estrada Turística do Jaraguá. São um pouco mais de 5 km de subida até o Pico do Papagaio.

Ao invés de subirmos a Trilha do Pai Zé, subimos de carro pela Estrada Turística do Jaraguá. São um pouco mais de 5 km de subida até o Pico do Papagaio.

Cuidado com os animais no meio do caminho! O parque conta com uma fauna riquíssima, que inclui diversos pássaros como o tucano de bico verde e pica-pau, além de diversos mamíferos como o veado mateiro, bicho-preguiça e até a jaguatirica.

Cuidado com os animais no meio do caminho! O parque conta com uma fauna riquíssima, que inclui diversos pássaros como o tucano de bico verde e pica-pau, além de diversos mamíferos como o veado mateiro, bicho-preguiça e até a jaguatirica.

Não é uma beleza? A estrada é bem estreita e sinuosa, mas está em bom estado e tem belas paisagens.

Não é uma beleza? A estrada é bem estreita e sinuosa, mas está em bom estado e tem belas paisagens.

E chegamos ao Pico do Papagaio, com 1.127 m de altura. A subida é íngreme e as curvas são bem fechadas, por isso verifique os freios mesmo!!!

E chegamos ao Pico do Papagaio, com 1.127 m de altura. A subida é íngreme e as curvas são bem fechadas, por isso verifique os freios mesmo!!!

E aqui acaba a Trilha do Pai Zé!

E aqui acaba a Trilha do Pai Zé!

Fiquem atentos para os horários de funcionamento da trilha!

Fiquem atentos para os horários de funcionamento da trilha!

O finalzinho da Trilha do Pai Zé, que começou 1,8 km lá embaixo.

O finalzinho da Trilha do Pai Zé, que começou 1,8 km lá embaixo.

Os últimos degraus da Trilha do Pai Zé, antes de chegar ao Pico do Papagaio. Para os fãs de esportes radicais, outra maneira de subir o pico é escalando sua parede!

Os últimos degraus da Trilha do Pai Zé, antes de chegar ao Pico do Papagaio. Para os fãs de esportes radicais, outra maneira de subir o pico é escalando sua parede!

E o Pico do Jaraguá está logo ali!

E o Pico do Jaraguá está logo ali!

A maravilhosa vista do Pico do Papagaio! Lá ao longe podemos ver o Rodoanel Mário Covas e a Rodovia Anhanguera, importantes rodovias paulistas.

A maravilhosa vista do Pico do Papagaio! Lá ao longe podemos ver o Rodoanel Mário Covas e a Rodovia Anhanguera, importantes rodovias paulistas.

Sentada à beira do precipício!!! Para lá, podemos ver o bairro de Perus.

Sentada à beira do precipício!!! Para lá, podemos ver o bairro de Perus.

Olha a Trilha do Pai Zé indo lá para baixo!

Olha a Trilha do Pai Zé indo lá para baixo!

A vegetação que prevalece no alto do pico são os campos de altitude, uma vegetação rasteira, típica de locais com mais de 1.200 m de altitude.

A vegetação que prevalece no alto do pico são os campos de altitude, uma vegetação rasteira, típica de locais com mais de 1.200 m de altitude.

As rochas com os sulcos deixados pelos garimpeiros, que mineravam ouro na região.

As rochas com os sulcos deixados pelos garimpeiros, que mineravam ouro na região.

A mineração do ouro se iniciou no século XVI com o bandeirante Afonso Sardinha, e continuou até o ouro se esgotar completamente no século XIX.

A mineração do ouro se iniciou no século XVI com o bandeirante Afonso Sardinha, e continuou até o ouro se esgotar completamente no século XIX.

Aqui termina a Estrada Turística do Jaraguá.

Aqui termina a Estrada Turística do Jaraguá.

Um posto da Polícia Militar no alto do pico. Várias antenas do sistema de rádio-comunicação das polícias civil e militar, hospitais e companhias de energia e de transporte estão instaladas ali.

Um posto da Polícia Militar no alto do pico. Várias antenas do sistema de rádio-comunicação das polícias civil e militar, hospitais e companhias de energia e de transporte estão instaladas ali.

Várias emissoras de rádio e televisão tem suas antenas de transmissão ali instaladas.

Várias emissoras de rádio e televisão tem suas antenas de transmissão ali instaladas.

Alguns dados interessantes do Parque do Jaraguá.

Alguns dados interessantes do Parque do Jaraguá.

Lá em cima temos o mirante do Pico do Jaraguá.

Lá em cima está o mirante do Pico do Jaraguá.

A bela vista do mirante do Pico do Papagaio

A bela vista do mirante do Pico do Papagaio

O sagui do tufo branco é um dos animais silvestres que habitam o parque. A Kika é a fêmea-alfa do seu grupo... e que danadinha que ela é!

O sagui do tufo branco é um dos animais silvestres que habitam o parque. A Kika é a fêmea-alfa do seu grupo… e que danadinha que ela é!

Aqui no Pico do Jaraguá também há um playground para a garotada

Aqui no Pico do Jaraguá também há um playground para a garotada. Há também uma lanchonete e sanitários.

Para subirmos até o topo do Pico do Jaraguá, temos de encarar 257 degraus!

Para subirmos até o topo do Pico do Jaraguá, temos de encarar 257 degraus!

O Pico do Jaraguá é formado por rochas basicamente constituídas por quartzo, e tem essa aparência branca. Essas rochas tem grande resistência à erosão.

O Pico do Jaraguá é formado por rochas basicamente constituídas por quartzo, e tem essa aparência branca. Essas rochas tem grande resistência à erosão.

E lá vamos subir os 257 degraus!

E lá vamos subir os 257 degraus!

A lanchonete vista da escadaria

A lanchonete vista da escadaria

Os trilhos ao lado são para o bondinho, que é utilizado para o transporte de pessoas e materiais de manutenção das antenas.

Os trilhos ao lado são para o bondinho, que é utilizado para o transporte de pessoas e materiais de manutenção das antenas.

A bela paisagem de cima das escadas. Lá embaixo podemos ver a estrada turística do Jaraguá.

A bela paisagem de cima das escadas. Lá embaixo podemos ver a estrada turística do Jaraguá.

O tempo estava seco, e eu não estava no melhor da minha forma. Tropecei na língua, quase tive um piripaque, mas chegamos ao topo. Ufa!!!

O tempo estava seco, e eu não estava no melhor da minha forma. Tropecei na língua, quase tive um piripaque, mas chegamos ao topo. Ufa!!!

A antena no topo do Pico do Jaraguá, que é compartilhada pela TV Globo e a TV Bandeirantes.

A antena no topo do Pico do Jaraguá, que é compartilhada pela TV Globo e a TV Bandeirantes.

Alô, alô, Marciano, aqui quem fala é da Terra! Parabólicas gigantes!

Alô, alô, Marciano, aqui quem fala é da Terra! Parabólicas gigantes!

No topo do Pico do Jaraguá, a 1.135 m de altitude, temos uma bela visão de 360º das redondezas.

No topo do Pico do Jaraguá, a 1.135 m de altitude, temos uma bela visão de 360º das redondezas.

Em dias claros, podemos ver até 55 km de distância. Tivemos sorte, pois o tempo estava ótimo!

Em dias claros, podemos ver até 55 km de distância. Tivemos sorte, pois o tempo estava ótimo!

De lá temos uma vista espetacular de boa parte de São Paulo, além de uma parte de Osasco.

De lá temos uma vista espetacular de boa parte de São Paulo, além de uma parte de Osasco.

As antenas foram instaladas no pico na década de 1950, quando ainda vigorava o conceito "quanto mais alto, melhor". Com o avanço da tecnologia,esse conceito mudou e muitas antenas de TV estão na região da Avenida Paulista. Mas as antenas do Pico do Jaraguá ainda servem como retransmissoras.

As antenas foram instaladas no pico na década de 1950, quando ainda vigorava o conceito “quanto mais alto, melhor”. Com o avanço da tecnologia,esse conceito ficou obsoleto e muitas antenas de TV estão na região da Avenida Paulista. Mas as antenas do Pico do Jaraguá ainda servem como retransmissoras.

O Pico do Jaraguá fica no extremo oeste da Serra da Cantareira. Para lá podemos avistar outra parte da serra, onde fica o Parque da Cantareira.

O Pico do Jaraguá fica no extremo oeste da Serra da Cantareira. Para lá podemos avistar outra parte da serra, onde fica o Parque da Cantareira.

De lá podemos ver a Rodovia dos Bandeirantes, que liga São Paulo a Campinas.

De lá podemos ver a Rodovia dos Bandeirantes, que liga São Paulo a Campinas.

Para lá está o bairro de Perus.

Para lá está o bairro de Perus.

Naquela direção estão as antenas no Pico do Papagaio.

Naquela direção estão as antenas no Pico do Papagaio.

Para descer, todo o santo ajuda! Olha quanto subimos e como a lanchonete fica pequena dali!

Para descer, todo o santo ajuda! Olha quanto subimos e como a lanchonete fica pequena dali!

Agora vamos descer! Gostaram? O parque é lindo e as vistas são maravilhosas. Venha visitar esse patrimônio da humanidade! Até o próximo passeio!

Agora vamos descer! Gostaram? O parque é lindo e as vistas são maravilhosas. Venha visitar esse patrimônio da humanidade! Até o próximo passeio!

Veja a localização no mapa:

Share this:
Share this page via Email Share this page via Stumble Upon Share this page via Digg this Share this page via Facebook Share this page via Twitter

2 comments to Parque Estadual do Jaraguá Em Foco

  • brazilianese  says:

    Parabéns Mina! Super completo e faz crescer na gente a vontade de conhecer o lugar…

  • Mina Yodono  says:

    Obrigada! Realmente vale a pena conhecer, é um lugar belíssimo!

Deixe um comentário

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Protected by WP Anti Spam